Insónias

 
Acordar à 1 da manhã como se fossem oito, ficar até às 5 da manhã acordada, a ler na sala, a fazer lanches e a olhar para o telemóvel.
 
Isto foi a minha vida durante uns dias, que se arrastou por semanas, médicos, análises, medicamentos para dormir, acupuntura, fitoterapia, meditação, bolos e bolachas de chocolate.
 
É tiroide, é falta de vitamina B12, é talvez uma coisa mais grave, ah! já sei, é a pré-menopausa, são os ovários a falir, é a falta da minha Psi, tenho de lá ir, ah! é outra vez uma depressão, pois, é o fim do mundo, é o calor, não há meio de chegar o Outono, eu que gosto tanto do Outono, é uma doença rara, é o meu fim, é a biografia do meu bisavô que me persegue, é ele que me está a acordar, é a minha vida pessoal que qualquer bloco de mármore tem mais adrenalina do que eu, é a escrita, é isso, deixei de escrever, quem sou eu?, afinal sempre disse que jamais deixaria de escrever, ah! é ser Mãe sozinha, esse peso, essa responsabilidade, é não ter com quem discutir à noite depois do jantar, é não saber se tomei a decisão certa, é ter medo, é não ter medo, é ter medo de ter medo, é ter um prazo de 10 anos para refazer a minha vida, caso contrário vou ser uma velha a viver sozinha com um gato, e afinal quem sou seu?, é não saber o que se escreve quando se pergunta: profissão, é não ouvir música o suficiente, é ver quando o carro chega aos 186 mil kms para ir mudar o óleo, é a vacina do Flash em atraso, é a queda das folhas, e do meu cabelo, e dos cabelos brancos, é ir viver para Lisboa, é viver por cima dos meus Pais, é ficar a viver em Cascais, é queimar o meu Diário de Moçambique, é queimar muita coisa, é deitar coisas fora, é refazer Álbuns, é vender a aliança, é já não chorar o suficiente, é não estar triste, é estar zangada, é recomeçar pela 45ª vez, é ser boa de mais e cabra de menos, é saber se acerto quando sou Mãe, e depois quando sou a Rita, é?

Não, são só insónias.

(Apesar de acordar a meio da noite algumas vezes, agora já durmo melhor.)

Comentários

Maria varela disse…
Saudades de te ler :) bem vinda !
Bjs
just me disse…
Que texto maravilhoso... Weeeiiittaaaaa 😘
André disse…
Eu acho é que são demasiadas perguntas! ;)
É pensar "caga nisso" e seguir...

beijosss
Rita disse…
André, manz, já devias saber como funciona o cérebro de uma gaja. faz 87409 perguntas ao mesmo tempo e ainda dá banho, faz o jantar, passeia o cão e põe a mesa! ;) como estás? tudo a retomar o seu lugar?
Anónimo disse…
Nao são insónias.
É a vida a chegar ao seu meio e perceber que afinal as certezas construídas no passado se esvaziaram sem darmos conta
A solução é voltar a construir pela 45º ou 90º vez mas agora sem a necessidade/obrigação de ter que acertar. É simplesmente viver o que se quer e como se quer. Existe essa OPORTUNIDADE.
Os filhos crescem e vão à sua vida. Pelo que os filhos não podem ou não devem ser uma “paragem” permanente da nossa vida
Passeia o cão ou o gato, mas passeia com VIDA
Segura na mão do frio ou do calor mas vive SÓ o que queres.

Mensagens populares